O que o País deve a Marcelo e o que não pode consentir


via O que o País deve a Marcelo e o que não pode consentir

Anúncios

Aquele começo (quase) demolidor…


Teve de ir até à varanda e lançar um olhar para o horizonte. Precisava ter a certeza de que lá continuavam as casas, os parques, as ruas, as árvores e, sobretudo, o movimento frenético de munícipes e automóveis numa cidade que adora o caos

Source: Aquele começo (quase) demolidor…