Operação Chícharo


Numa tentativa sucedida de fazer concorrência aos tipos que (na PJ e no Ministério Público) inventam os nomes daquelas mega-investigações que depois se transformam em mega-processos cujo resultado final é uma mega-merda, um grupo de “conjurados” levou ontem a cabo, perto de Tomar, a Operação Chícharo.

Perto de Tomar é modo de dizer, precisamente porque “tomar” aparecia no topo da “To Do list” de todas as “autoridades” envolvidas, que cumpriram com brilho e galhardia tão elevado desiderato. De tal modo, que as Agências de rating antecipam um período de seca prolongada para esta zona do centro do país, em consequência do esvaziamento das adegas da região, tendo mesmo algumas delas visto descer os níveis do precioso néctar para quotas abaixo dos mínimos definidos pela OMS como indispensáveis à sanidade mental de populações afligidas por troikas e governos irresponsáveis.

Envolvendo um número indeterminado de participantes – os danadinhos nunca estiveram quietos de modo a poder conta-los – a Operação Chícharo traduziu-se num estrondoso sucesso, materializado no passamento definitivo de vários quilos de Chícharos e Bacalhau, e ainda na eliminação de diversas sardinhas e febras pelo processo de introdução no “bolo alimentar”, esperando-se que venham a ser restituídas ao eco-sistema nos próximos dias, cumprindo assim os requisitos de sustentabilidade exigíveis a uma acção com elevados padrões como os de que esta se revestia.

Superiormente organizada, os maiores encómios vão para a logística, que funcionou na perfeição. Em alguns momentos o sistema tremeu devido à intervenção da “esquadra musical” e tudo foi devidamente documentado pela “brigada de sapadores fotográficos”, que captou e imortalizou factos e emoções. Destaque ainda para os “aprovisionamentos”, com os “binómios” Cachorro Tropical, e para “unidade anfíbia” que ensaiou a instalação de uma piscina, praticamente Olímpica (a tarefa, não a piscina), em escassas horas.

A iniciativa reforçou a amizade, a camaradagem e as receitas das portagens, bem como as da Galp, podendo por isso definir-se como patriótica, de países ainda a determinar.

O mesmo team está já a trabalhar na próxima operação, com o nome de código “Cabrito Esfolado”, que por razões de “tenrura” e sabor, será realizada num paralelo acima do Mondego. Vamos aguardar!

Anúncios

2 thoughts on “Operação Chícharo

    • É verdade, Carlos! Qualquer potencial empregador fica cheio de entusiasmo perante uma foto como esta. Todo o charme implícito, a maneira de segurar no copo sem esticar o mindinho, tudo isso é revelador do savoir faire do candidato. Eu admitia-me na hora!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s